A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) informou nesta terça-feira (5) que as negociações para trazer 2 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 estão “avançadas” e que a importação das doses deve ser feita ao custo de US$ 5,25 a unidade (ou R$ 27,90 cada).

 

Com isso, a previsão é que a medida tenha custo de ao menos R$ 55,5 milhões ao governo, segundo a atual cotação do dólar. A fundação não informou se há outros custos incluídos no processo.

 

Atualmente, a importação das 2 milhões de doses já prontas é tida como a principal aposta do Ministério da Saúde para iniciar a vacinação no país. As doses devem ser entregues pelo Serum Institute, um dos centros de produção da AstraZeneca, que fica na Índia.

 

Mais cedo, os ministérios das Relações Exteriores e da Saúde divulgaram uma nota em que afirmam que não há proibição oficial do governo da Índia para exportação de vacinas contra a Covid-19 e que a previsão é que as doses sejam entregues em meados deste mês.

DEIXE UMA MENSAGEM

Seu endereço de email não será publicado.