O governador do Piauí e representante do Fórum Nacional de Governadores, Wellington Dias, afirmou que o Brasil tentará conseguir cerca de 10 milhões de doses prontas que, segundo ele, estão estocadas na fábrica AstraZeneca, nos Estados Unidos.

 

Em entrevista coletiva ao lado do ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, o governador afirmou que discute com o Itamaraty uma consulta aos americanos sobre a possibilidade de importação dessa remessa, já que eles não estão aplicando a vacina desenvolvida pelo laboratório e pela universidade de Oxford na sua população.

 

“Há um laboratório da AstraZeneca nos EUA. Nós tratamos desse aspecto com o Itamaraty, com a diplomacia brasileira, para que possamos consultar, porque o que sabemos é que há vacina pronta em estoque”, disse Dias nesta segunda-feira (8) em Bio-Manguinhos, fábrica da Fiocruz no Rio de Janeiro.

 

“Como não está sendo utilizada a AstraZeneca nos Estados Unidos, que eles possam, pela conjuntura brasileira, ceder a venda para o Brasil. São 10 milhões de doses ou mais que estariam disponíveis. Porque também os EUA adotaram uma medida de proibir exportação para suprir sua necessidade. Essa é uma situação mundial”, explicou Dias.

DEIXE UMA MENSAGEM

Seu endereço de email não será publicado.