O celular do senador e ex-governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), foi clonado. A informação foi confirmada por sua assessoria de comunicação. O hacker usou dos contatos do político para, via aplicativo de mensagens, pedir depósito de dinheiro. A Polícia Legislativa do Senado foi acionada para investigar o caso. Não há registro de vítimas que tenham caído no golpe.

DEIXE UMA MENSAGEM

Seu endereço de email não será publicado.