Um dos envolvidos no assalto ao motorista por aplicativo no bairro da Fazenda Grande, em Salvador, foi preso nesta quarta-feira (20). De acordo com o delegado Antônio Fernando Soares, titular da 4ª Delegacia (DT/São Caetano), que investigava o crime, o suspeito foi encontrado em um centro de reabilitação para usuários de drogas.

Segundo o delegado, Daniel Borges da Apresentação, de 25 anos, estava no centro localizado em Candeias, região metropolitana de Salvador. Havia um mandado de prisão temporária contra o suspeito, que foi cumprido no local. Ele foi identificado através de um retrato falado feito pela vítima.

Após a prisão, o homem foi levado para a 4ª DT, onde foi interrogado. De acordo com o delegado Antônio, o suspeito confessou o crime e entregou o terceiro envolvido no assalto, que ainda não tinha sido identificado. O comparsa, que não teve a identidade revelada, está sendo procurado pela polícia.

Um adolescente de 16 anos, que também se envolveu no crime, foi morto a tiros no dia 13 de maio, no bairro da Fazenda Grande. Conforme o delegado, a suspeita é de que criminosos teriam matado o jovem como retaliação ao crime.

O ataque, que aconteceu no último dia 10, foi feito pelo adolescente, Daniel Borges e o outro envolvido. Daniel entrou no banco do carona e os outros dois no banco de trás do carro. Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra quando Daniel pergunta ao motorista se ele é policial, aponta a arma na cabeça dele e faz sequência de ameaças. Foi o próprio suspeito que gravou o vídeo.

Daniel Borges vai seguir para o sistema prisional. O delegado informou que vai pedir a conversão da prisão temporária em preventiva. O suspeito deverá responder por roubo qualificado.

DEIXE UMA MENSAGEM

Seu endereço de email não será publicado.